Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CDU Valongo

Página informativa sobre a atividade da CDU no concelho de Valongo.

AM - Acessibilidade em Ermesinde - Extinção de portagens em Valongo

01.10.15

Com a abolição da portagem no nó de Ermesinde, os moradores da freguesia de Valongo, por forma a evitarem o pagamento da portagem, começaram a utilizar a entrada de Ermesinde para acederem à A4 e para saírem da mesma. Assim, a confluência de veículos provenientes de outras freguesias limítrofes, como é o caso de Alfena e Valongo, que para evitarem custos preferem entrar na A4 através deste nó, veio provocar um aumento significativo de automóveis às horas de ponta, que se acumulam em filas intermináveis, dificultando as acessibilidades e os tempos necessários para efetuar qualquer viagem.

Prevê-se o alargamento da A3, mas não há qualquer indício que mostre que, por exemplo, os antigos pórticos em Ermesinde vão ser retirados, para permitir uma maior fluidez de trânsito. Por isso, na opinião da CDU, o alargamento da A3 não irá solucionar o problema existente, na saída e entrada para a autoestrada pelo nó de Ermesinde. Apenas a retirada dos antigos e a abolição da portagem em Valongo, poderia vir a menorizar este problema.

Para agravar mais esta situação, as constantes medidas levadas a cabo pelos últimos governos que incentivam uma política de privatizações dos serviços públicos de transportes, que assentam numa questão economicista, com redução de serviços prestados e na menor qualidade dos mesmos, que tenderá a agravar-se no futuro caso não haja uma preocupação latente por parte dos interessados.

Neste sentido e considerando que nada foi feito na ligação ao nó de Ermesinde para facilitar o acesso às autoestradas em causa, a Assembleia Municipal de Valongo, reunida em sessão ordinária em 30 de setembro de 2015, no exercício do seu dever de defesa dos interesses da população do seu concelho, delibera:

  • Propor ao Governo, a abolição das portagens no nó de Valongo e a retirada dos antigos pórticos, por forma a libertar o fluxo diário de tráfego proveniente desta freguesia que conflui para o nó de Ermesinde, reduzindo assim os condicionalismos existentes na entrada e saída desse nó.
  • Enviar cópia desta moção ao Sr. Primeiro-Ministro, ao Sr. Ministro da Economia, aos Grupos Parlamentares da Assembleia da República.

Valongo, 30 de setembro de 2015

A CDU – Coligação Democrática Unitária / Valongo

1 comentário

Comentar post