Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CDU Valongo

Página informativa sobre a atividade da CDU no concelho de Valongo.

Avançará finalmente a conclusão da sede da JFE? Ou estaremos perante uma “Obra de Sta Engrácia?

27.07.07
Quase dois anos volvidos após as últimas eleições – e figurando a 3ª fase da construção do edifício sede da Junta de Freguesia de Ermesinde em todos os orçamentos e planos de actividade deste órgão autárquico –, a CDU continua a desconhecer as razões pelas quais a obra ainda não avançou.
Considerando a sua importância e a unanimidade de todos os Partidos representados nos órgãos autárquicos locais em torno da necessidade desta ser levada a cabo, a CDU requereu ao Presidente da Junta de Freguesia de Ermesinde, no passado mês de Junho, que este desse conta dos motivos na base do lento arrastar de todo o processo. A resposta chegou no dia 17 de Julho: segundo o Presidente da Junta, a obra avançará ao final do ano; quanto às responsabilidades pelo atraso no seu início, e como é frequente com a liderança PSD da Junta de Ermesinde, a “culpa morre mais uma vez solteira”.
Como é natural, saudamos o facto de, finalmente, ter sido apontado um horizonte temporal para o início dos trabalhos. As populações podem agora “medir” com rigor o grau de empenhamento do PSD e do Presidente da Junta na concretização célere desta importante obra.
Até esta altura, o PSD tem usado a construção da última fase do edifício sede da Junta como subterfúgio para esconder as suas limitações e o seu fraco trabalho na cidade de Ermesinde. Toda a intervenção do órgão autárquico tem estado subordinada a este objectivo: em dois anos, contam-se pelos dedos as intervenções da Junta em prol da dinamização da vida da cidade, apesar do bem-estar monetário deste órgão, que no primeiro trimestre de 2007 teve um saldo positivo de € 102.381,89. “Não se faz mais, porque a Junta ainda não está concluída”, diz-nos o PSD. O problema é que esta “obra única” da Junta também não avança.
Aproveitando o anúncio pelo Presidente da Junta da data de início dos trabalhos de construção da última fase do edifício em causa, reiteramos os desejos de que a obra não continue a ser apenas uma promessa e uma desculpa para o PSD. Ademais, seria muito mau que a obra acabasse por se tornar em mais uma daquelas “obras de Santa Engrácia” que só se concluem e inauguram em vésperas de eleições.
 
 
 A CDU/Ermesinde
 27 de Julho de 2007

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.