Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CDU Valongo

Página informativa sobre a atividade da CDU no concelho de Valongo.

Confusão no sistema de atendimento de utentes do Centro de Saúde de Campo - Comunicado à Imprensa

08.04.06
Há anos que os serviços prestados na extensão de Campo do Centro de Saúde de Valongo se vêm degradando. Com o descontentamento crescente por parte dos utentes, que reclamam melhores serviços e mais médicos, a Administração, em vez de médicos, recrutou seguranças. Mas como tem ficado provado, o que faz falta não são seguranças: o que faz falta é um melhor serviço, uma melhor organização do atendimento ao público e mais médicos de família. Note-se que existem, na freguesia de Campo, cerca de 2100 utentes sem médico de família. Quer isto dizer que aproximadamente 1 em cada 4 utentes não está servido por médico de família.

Por diversas vezes, a CDU tem alertado para os problemas existentes. A Junta de Freguesia, que deveria ser a principal representante da população na defesa da resolução dos seus principais problemas, nada faz. A convivência PS-PSD na Junta tornou-se conivência com os problemas existentes.

O sistema de marcação de consultas, por exemplo, é simplesmente vergonhoso. Os utentes têm de penar durante 3, 4 e mais horas, da parte da manhã, só para chegarem à hora de almoço e dizerem qual é a ordem de chegada e, consequentemente, a ordem de atendimento nas consultas, que têm lugar da parte da tarde. Depois podem ir almoçar e voltam da parte da tarde, aí sim para serem atendidos. Será que o sistema de ticket não resulta? Não existirá uma forma simples de poupar aos utentes as penosas horas que têm de estar no Centro de Saúde só para guardarem vez?

Talvez se fossem os seguranças a tomar conta da vez para a marcação de consultas as coisas se resolvessem... Pelo menos era uma boa forma de aproveitar melhor o tempo deles naquele serviço...

Entretanto, os utentes vão sofrendo. Trata-se de uma situação que merece ser denunciada e sobre a qual importa intervir com urgência. A comunicação social terá aqui também um papel crucial. Além disso, a CDU prepara um conjunto de iniciativas públicas destinadas a alertar as autoridades competentes para a necessidade de resolução deste e de outros problemas.

A CDU/Valongo

1 comentário

Comentar post